Sub 15 do palmeiras termina 1° turno invicto; saiba os motivos pela ótima campanha

Campeão Metropolitano Sub 14 de 2018, a equipe Sub 15 da Sociedade Esportiva Palmeiras passou por algumas mudanças para este ano. Apesar da saída de Guilherme Tesch, melhor prospecto da categoria, o Palestra mostra um basquete ainda mais convincente do que a geração do ano passado e terminou o primeiro turno da Fase de Classificação na liderança e invito. Saiba os grandes responsáveis pelo perfeito início do alviverde.

Caldeira e Diogo:

Indiscutivelmente a dupla Caldeira e Diogo é um dos melhores backcourts da base, ou seja, armadores que podem jogar nas posições ”1” e ”2”. Vindo da equipe do Mackenzie, Gabriel chegou ao Palestra para esta temporada e demorou pouco tempo para se encaixar no time palestrino. Com extrema técnica, o armador tem como uma das suas habilidades cadenciar a partida, com um estilo clássico de armar. Além disso, é especialista em arremessos do perímetro. Já Diogo Castro completa o estilo de jogo de Caldeira. Desde o Sub 12 no Palestra, também tem grande percentual de arremessos convertidos dos três pontos, mas para esta temporada mostrou grande evolução em relação 2018. Tem facilidade em sair para o contra-ataque e realizar infiltrações. Quando juntos em quadra, combinam para 37.1 pontos por partida (Diogo 20.4 ppt e Caldeira 16,7ppt).

Diogo anotando mais dois pontos (Foto: Michael Oliveira/Federados)

Protagonismo de Angelo :

Assim como Diogo, Angelo está no Palestra desde o Sub 12 e também vem mostrando evolução. Com a saída de Tesch ganhou mais minutos em quadra e, principalmente, protagonismo. Com 1.92 metros de altura, atua como ala e ala-pivô, além de ser extremamente dominante dentro do garrafão, com ótimo trabalho de pernas.

Efeito Henrique:

Chegou no Palmeiras para esta temporada após boas passagens pelo São Caetano, Minas Tênis Clube e Corinthians. Vindo do banco de reservas, o versátil ala-armador Henrique é uma das grandes armas do Sub 15 palestrino. Ótimo defensor do perímetro, Henrique muda a cara do jogo quando entra, além de ser especialista em realizar bandejas.

Henrique tem grande facilidade em infiltrações (Foto: Caio Carlucci)

The Commander:

Apesar das grandes armas que possui o Sub 15 do alviverde, elas não seriam eficazes sem a presença dele. Marcelo ”Rato” Ribeiro é o grande responsável pala performance do alviverde. Chegou na segunda metade de 2018 para ser assistente técnico das equipes do Palestra e, para este ano, comanda as equipes Sub 14 e Sub 15. Com grande experiência nas quadras como atleta, comandou o Mogi das Cruzes na volta à elite do basquete brasileiro. No Palestra, vem mostrando grande habilidade em tirar ao máximo as qualidade de seus jogadores, além de ter o tato de se expressar com eles.

Rato chegou no Palmeiras em 2018 (Foto: Michael Oliveira/Federados)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s